EVENTOS

Screenshot 2021-08-20 at 11.31_edited.jpg

IX Kuñangue Aty Guasu – Grande Assembleia de Mulheres Kaiowa e Guarani: Corpos silenciados, vozes presentes.
1 a 5 de setembro de 2021

Destaques da Assembleia:
1º de Setembro - A caminhada das mulheres kaiowa e guarani da retomada até Brasília;
2 de Setembro - Agenda anti-indigena: a nossa existência está ameaçada;
3 de setembro - Um chamado das matriarcas kaiowá e guarani aos movimentos sociais: essa luta não é só nossa, essa luta é de todxs;
4 de setembro - Corpo, saúde e alma da mulher kaiowa e guarani em tempos de pandemia;
5 de setembro - Dia Internacional Das Mulheres Indígenas
I Audiência Pública Internacional “Corpos silenciados, vozes presentes - A Violência contra as Mulheres Kaiowa e Guarani
Lançamento do Mapa Virtual “Corpos silenciados, vozes presentes.. 

86FA4883-CD9C-418B-BF4A-B7F90ADC3D46.jpeg

A nossa VOZ vai ecoar em Brasília por 19 dias!

DE 23 DE AGOSTO A 11 DE SETEMBRO 2021

A força, a resistência, os cantos e as rezas das mulheres Kaiowá e Guarani, voltam a ecoar a capital federal. Nós Mulheres do Conselho da Kuñangue Aty Guasu - Grande Assembleia Das Mulheres Kaiowá e Guarani/ MS, estaremos em acampamentos, assembleias e manifestações presentes com nossos corpos, nossas vozes e nossa ancestralidade! 

A caminhada começa no próximo dia 23 de agosto, com a chegada da nossa I delegação para o Acampamento A luta pela vida, onde estarão presentes lideranças indígenas de todo o país na luta contra o Marco Temporal e o Projeto de Lei 490/07, já em pauta no Congresso Nacional. E retornaremos para os nossos Territórios ancestrais, após o encerramento da II Marcha Das Mulheres Indígenas, em 11 de setembro/21 . 

Pela primeira vez na história a Assembleia das Mulheres Kaiowa e Guarani, nosso principal espaço de voz, luta pelo Direito das mulheres indígenas e diagnóstico da realidade que nós mulheres Kaiowa e Guarani vivemos em nosso cotidiano, ocorrerá fora de nossos Tekoha (território sagrado), da área de retomada em MS, a Brasília/DF. 

 

Viemos por meio desta oficializar o convite das Matriarcas Kaiowá e Guarani, se juntem a nós, essa luta é de todxs nós. Receba o nosso convite oficial e o nosso abraço de resistência. 

ni una menos/ ni una más

03 de junio 2021

 

Cada año cientos de miles de personas nos encontramos en la calle para ser la voz de quienes ya no la tienen, víctimas de la violencia feminicida colonial, racista, heteropatriarcal, capitalista. 

En mundo pandémico atraviesa nuestras cuerpas. Aún bajo regímenes necropolíticos re(exi)stimos desde cada territorio, entre Ciudad Juárez, en México, donde se acuñó nuestra bandera de lucha y el potente NI Una Más hasta el nacimiento de Ni Una Menos en Argentina, este #3J se encenderá el fuego virtual y nos abrazaremos porque ¡Vivas y libres nos Queremos!

DESCOLONIZANDO O OLHAR: MULHERES KAIOWÁ E GUARANI No  AUDIOVISUAL

29 de maio 2021

 

Kuñangue em arte!

Venha participar desse evento que estará rompendo fronteiras e proporcionando práticas e vivências colaborativas no mundo multimídia.

Conheças as veias digitais, das mulheres Kaiowá e Guarani no mundo audiovisual.

event.jpeg

NHE´E MOMBEUPY PO´Y REHEGUA
"O ARTESANATO COMO PATRIMÔNIO GUARANI E KAIOWÁ"

29 de maio 2021

 

Se liga aí galera, no recado das artesãs Kaiowá e Guarani:

"Venham participar da live das mulheres kaiowá e guaraní que será realizada neste sábado dia 29 de maio, vamos dialogar sobre o artesanato como patrimônio cultural kaiowá e guaraní. Conto com a presença de vocês amigas (os), parceiros de luta que sempre contribuíram no fortalecimento da nossa existência e conhecimento da ancestralidade."

WhatsApp Image 2021-03-04 at 13.20.32.jp

AS ORIGINÁRIAS DA TERRA

8 de março 2021

Manifesto das primeiras brasileiras
As originárias da terra: a mãe do Brasil é indígena

Nós, Mulheres Indígenas, também somos a Terra, pois a Terra se faz em nós. Pela força do canto, nos conectamos por todos os cantos, onde se fazem presente os encantos, que são nossas ancestrais. A Terra é irmã, é filha, é tia, é mãe, é avó, é útero, é alimento, é a cura do mundo.

Leia o manifesto na íntegra também em: https://anmiga.org/ e siga nas redes sociais @anmigaorg

WhatsApp Image 2020-11-16 at 13.22.32.jp

O VIII KUÑANGUE ATY GUASU

28 a 30 Novembro 2020

 

Encontro anual do conselho das mulheres indígenas Guarani & Kaiowá, foi realizado online este ano e traduzido para o inglês em tempo real.

Mulheres idosas Guarani e Kaiowá e Ñandesys (xamãs) participaram da segurança de suas aldeias, discutindo os assuntos que os preocupam e compartilhando-os com um público global.

O evento acontecerá durante três dias, incluindo cerimônias de abertura lideradas por xamãs mulheres e uma série de painéis de discussão enfocando questões-chave.